Mudanças entre as edições de "Jornal Nacional"

m
Foram revertidas as edições de 45.191.143.224 (disc) para a última versão por SuperNeuer
(nada)
m (Foram revertidas as edições de 45.191.143.224 (disc) para a última versão por SuperNeuer)
Etiqueta: Reversão
 
{{c|É Lula de novo pagando mensalão para o povo|Jornal Nacional|o Presidente Lula}}
 
== A respeito==
nadakkkkkkkkkkkkkk
[[Image:CIDSUNGA.jpg|thumb|left|200px|Cid Moreira apresentando o Jornal Nacional com sua sunga psicodélica]]
 
O '''''Jornal Nacional''''' é um conhecido [[telejornal]] da {{ifexist|República das Bananas}}, tem periodicidade diária garantida na [[Rede Globo|Rede Bobo]], ao final de tarde (período conhecido por sua mulher como ''entre-{{ifexist|novelas}}'').
Algumas investigações ligam o Jornal Nacional à Rede dos {{ifexist|Illuminati}} da {{ifexist|Bavária}}, grupo controlador que transmite {{ifexist|ondas cerebrais}} e imagens {{ifexist texto artigo|mensagem subliminar|subliminares}} durante o programa, que asseguram consentimento total e irrestrito da população ou a recusa a materiais como {{ifexist|FNORD}}.
Os {{ifexist|apresentador}}es são reconhecidamente desprovidos de emoções e expressões faciais, o que muitas vezes nos faz pensar no uso de robôs {{ifexist|andróides}} e {{ifexist|marionetes}}.
 
Sem confirmação quanto ao uso de pessoas reais, é comum o uso de vestimentas '''sui generis''' como terno ou ''tailleur'' na parte superior e bermudas coloridas debaixo da mesa. Um dos mais reconhecidos apresentadores é {{ifexist|Cid Moreira}}, também famoso gulturador (pessoa que consegue tremores de até 5 graus com a voz). Cid Moreira é o {{ifexist|autor}} da {{ifexist|Bíblia}} e co-{{ifexist|autor}} do {{ifexist|Alcorão}}.
Apesar de seu conteúdo totalmente (e parcialmente) {{ifexist texto artigo|política|político}}, tem uso sócio-psicológico, pois é utilizado por muitos como consolo para {{ifexist|solidão}}, o que se manifesta quando respondem de volta ao apresentador a frase ''Boa-Noite''.
 
{{c|Eu ainda ouço a frase após desligar a televisão!|Dona de casa|Boa noite}}
 
Muitas pessoas ainda ressentem a falta dos sons de {{ifexist|máquina de escrever}} ao rolar os créditos no final do programa. O motivo da troca do som é que as máquinas de escrever foram todas trocadas por {{ifexist|impressoras}} silenciosas. O jornal é exibido no que se chama ''Horário Nobre'' já que é quando as pessoas deixam de não fazer nada para ligar a [[televisão]] e dormir no sofá enquanto {{ifexist|William Bonner}} e {{ifexist|Patrícia Poeta}} discutem {{ifexist|putaria}} em rede nacional, {{ifexist texto artigo|pobre|pruquê é chíqui}}. O Jornal Nacional é apresentado por dois âncoras, um {{ifexist texto artigo|gay|homem}} e uma {{ifexist texto artigo|puta|mulher}}, e estes são {{ifexist|William Bonner}} e {{ifexist|Patrícia Poeta}}.
 
{{ifexist|William Bonner}} {{ifexist|não}} é {{ifexist|nada}} mais que um jornalista que apresenta o JN com calças de um {{ifexist|pijama}} ou até sem calças, mas {{ifexist|não}} tem problema porque ele tem pinto pequeno e {{ifexist|todo mundo}} já está acostumado.
{{ifexist|Patrícia Poeta}} está sempre exibindo seu cabelo cortado todo dia e roça a perna nas ''{{ifexist texto artigo|caralho|partes}}'' de William enquanto ele apresenta, por isso ele gagueja, mas na {{ifexist|verdade}} ela quer que ele erre para que enfim seja a única âncora do jornal, que William seja demitido e ela ganhe o salário dos dois e ainda receba pensão dele por cuidar dos milhares de filhos que eles tem juntos, mas xiuu, pois a Fátima não sabe.
{{break}}
 
== Os apresentadores==