Videogame

Geek-games-632x370.jpg Videogame é um game!
Enquanto você lê, um Minotauro mata um hoplita.

.

1380740759.jpg
Fotos 391 Computador.jpg

Esse artigo fala sobre tecnologia!

Isso significa que ele fala de um objeto, coisa ou programa que foi criado pra facilitar (ou fuder) sua vida! Se você vandalizar esse artigo, o titio Bill Gates irá atrás de você!

Cquote1.png Jogo todo dia! Cquote2.png
Nerd sobre Videogame
Cquote1.png Foi nós que criamos! Cquote2.png
Nintendo, contando a verdade
Cquote1.png Mentira , foi EU que criei! Cquote2.png
Pong, desmentindo a nintendo
Cquote1.png Estão todos errados! EU sou o veterano aqui baixotes! Cquote2.png
Tennis for two, mostrando que é o cara
Cquote1.png Na minha época, não tinha nada de sidequests , decisões de moral e essas frescuras aí: Era só andar pro fim do estágio! Cquote2.png
Velhinho sobre Videogame
Cquote1.png Sou o protagonista de um! E também de uns jogos de esportes, corridas, tenis, pintura, truco valendo o toba... Cquote2.png
Mario sobre Videogame
Cquote1.png É mais realista que a vida real! Cquote2.png
Crysis sobre Videogame
Cquote1.png Um nome melhor seria "Simulador de bandidagem" Cquote2.png
GTA sobre Videogame

A família inteira, pronta pra foto!

Videogame é o mais novo modo do século 20 (E 21) de se entreter quando você é pobre e não tem dinheiro pra pagar uma puta, já que a maioria dos jogos de hoje em dia podem ser comprado com uns 40 réis e depois se enfiar no quarto umas 2 semanas até zerar o game. Alguns jogos, Dota 2 e League of Legends, podem ser jogados literalmente por um tempo infinito, ou pelo menos até o jogo encher seu saco. Os jogos vem em dois tipos: Os de console, normalmente zoados pelos da elite, os de pc, que se acham os maiorais só porque só porque não precisam meter o cd no console pra jogar (Quando na realidade eles só são preguiçosos mesmo).

História dos jogosEditar

O inicio de tudoEditar

Tudo começou numa bela manhã de 1958. Um cara sem nada pra fazer chamado William Higinbotham acabou decidindo que aparentemente, como televisões eram algo Last season, que o mundo precisava de um novo modo de entreter os visitantes do Laboratório de dexter Nacional de Brookhaven (Eita nome grande!), porque o laboratória era TÃO chato que ninguém tinha paciência de visita-lo e recentemente as únicas pessoas que entravam lá dentro era mendigos que queriam um lugar pra passar a noite.

 
Willian, todo feliz comemorando o aniversário do seu jogo.

A conclusão dele foi criar uma um jogo de tênis pra dois (Doh!) baseando-se nas simulações de projetos balisticos que os computadores de Brookhaven tinham. Sim, o cara RECICLOU as simulações pra criar o jogo, mas você esperava que o primeiro jogo do mundo fosse um gta 5?

A produção do jogo logo foi terminada, com os cientistas jogando 2 litros de limonada e sabão em pó sobre o simulador para reforçar a qualidade dos circuitos (Tente isso em casa com o seu pc, garantimos que funciona!). Logo, todos estavam excitados para ver essa nova invenção tão incrível que te permitia jogar algo VIRTUAL com um amigo, e tudo isso ao vivo E EM CORES! (Bem, a única cor do jogo é o azul, mas se entendeu o recado). Infelizmente, devido a diversos problemas, entre eles a falta de recursos e a maldita burocracia, o jogo acabou não sendo comercializada, mesmo porque o povão logo se tocou que depois de 10 minutos, o jogo ficava chato pra caralho, isso sem falar que a tela dele tinha uns 10 centimetros de comprimento, sendo quase necessário enfiar a cara na tela pra ver o que tava rolando. Os esforços de willian não foram em vão, porém, pois alguns anos depois, um moleque chamado Steve Russel tinha planos muito maiores para os jogos...

O primeiro jogo "verdadeiro" de pcEditar

 
Segundo alguns nostalgicos, isso aqui é melhor que ver o filme do pelé.

Foi em 1961, que Steve, na hora de fazer um trabalho pra faculdade, teve a ideia de criar um jogo na forma de trabalho de escola. Mas não era QUALQUER jogo: Esse seria o jogo que serviu de kickstarter pra toda a corrida de criação de consoles, o monopólio dos games, e também a criação dos primeiros viciados e nerds. Mas o engraçado é que essa euforia saiu de um joguinho que se baseave um duas, sim, DUAS miseras naves controladas por você/eu/alguém/sua mãe e uma vítima de sua escolha, em que os dois jogadores deveriam tentar matar um ao outro numa arena psicodélica espacial, com um símbolo no meio dessa arena que parece o símbolo da Estrela. E, contra todas as possibilidades o jogo não só fez sucesso, como ainda garantiu uns prêmios da faculdade ao Steve, que quase teve um orgasmo ao descobrir que sua invenção não resultou em fracasso. Infelizmente, todos os heróis tomam no cu no final, ou pelo menos é isso que Nietzsche acreditava, porque no fim o Steve NÃO conseguiu comercializar seu singelo invento pela falta de dinheiro, e no fim, acabou tendo que resignar seu invento pro ferro-velho, e dizem até hoje que não se sabe se o pc do Spacewar! acabou ou sendo usada como fogueira pra uns mendigos ou como banquinho de bar. De qualquer forma, as ideias de Steve iriam influenciar uma invenção não só maior, como também de muito mais qualidade Já que o Spacewar! é, cá entre nós, um lixo..

O primeiro console de casaEditar

 
Quem precisa de roubar quando já se pode fazer isso em um jogo?

Sim, o primeiríssimo e único ODYSSEY! (Os tiozões de 50 anos que estão lendo esse artigo devem se lembrar levemente dele), criado pela magnavox em 1972, desta vez pronto para conquistar o coração de todos os nerds pelo mundo inteiro. O Odyssey foi produzido a partir da idéia de criar um jogo virtual acessivel pelo povão, eles criaram um console que, apesar dos gráficos simplismente horríveis, vinha com alguns papeis de plastico que deviam ser colocados na frente da tv, assim produzindo a "cor" dos jogos, já que o Odyssey era TÃO antigão que fazia que um ser humano parecia um macaco de 10 pixels que nem cabeça tinha. Os consoles em si eram normalmente vendidos já com os jogos embutidos dentro dele, tipo aqueles jogos antigos de DOS que você ficava horas tentando descobrir como inicializar, e no fim era só questão de enfiar o disquete no pc e rezar pra funcionar.

Depois do primeiro odyssey, foram lançados o odyssey 200, que agora vinha com um jogo de tênis ridículo, que nem efeito de som tinha, e um jogo de futebol, que era AINDA mais ridículo, já que ele só tinha 4 personagens na tela, sendo que futebol tem 11 JOGADORES cada lado do campo (Prova que a magnavox copiou e colou os sprites do jogo de tênis e só enfiaram uns jogadores a mais na tela. Depois veio o odyssey 300, que vinha com um jogo de espacionave, que, surpreendentemente, NÃO era uma cópia do Spacewar!, e sim, uma cópia do space invaders malfeita que rodava a 10 fps por segundo (Mais ou menos 1 imagem por segundo, pra você ter uma ideia). Após isso, veio o Odyssey 400, que incluía um novo controle que não mudava absolutamente nada nos controles originais, além de um jogo novo, o prehistoric safari, que era um joguinho escroto de tiro que bugava na segunda fase e fazia o console reiniciar sozinho. Depois, foi o Odyssey 500, e por aí vai. Por fim, o Odyssey teve seu sucesso, a magnavox ficou com mais dinheiro que o titio Bill Gates, pelo menos até as suas rivais começarem a aparecer.

 
O melhor momento pra se ensinar alguém a ser um jogador profissional é literalmente nos primeiros passos de vida.

Coisas que aprendemos jogando videogameEditar

Quem disse que não se aprende nada jogando? Como essa lista prova, a muitas coisas pra se aprender jogando.

  • É necessário tomar muito cuidado perto de canos, nunca se sabe quando uma planta carnívora irá sair de um.
  • Bastões de basebol e peixes são armas frequentemente usadas durante a guerra.
  • Ao se recarregar uma arma, você joga as balas fora do pente mas o número de balas sobrando continua o mesmo.
  • Se esconder dentro de um caixote é um ótimo modo de passar despercebido por guardas.
  • O melhor jeito de ganhar um dinheiro rápido é invadindo uma casa qualquer e começar a destruir os vasos, até que rubis comecem a sair deles.
  • Matar monstros e seres humanos não só te deixa mais forte, mas faz que você ache magicamente dinheiro no corpo do bicho que se matou.
  • Se você estiver em um trânsito e um carro atrás de você começar a buzinar, a melhor desculpa a se dar é que "O server tá com lag!"
  • No futuro, todos os conflitos serão decididos por 10 retardados mentais que se enfrentam em times de 5 numa arena.
  • Caso você queira conquistar uma garota, é só questão de encher uma barra de intimidade com ela, não importa se ela curte você ou não.
  • É possível assassinar qualquer pessoa que esteja na rua, desde que se tenha um dinheiro pra pagar os guardas, se nem vai ter que responder na justiça.
  • Ouriços azuis são os animais mais rápidos da terra, e normalmente usam tênis vermelhos e luvas como se fosse algo mundanico.
 
Tipo jogador viciado em videogame, preparando-se pra uma jogatina diária.
  • Faço o que fizer NÃO roube o estoque de bananas de macacos. Eles IRÃO se vingar de você e te matar, especialmente se você for um crocodilo.
  • Se um deus te trair e te transformar em albino, a melhor coisa a fazer é ficar putaço com isso e sair matnado o olimpo inteiro.
  • Ao contrário do que muitos pensam, o apocalipse é uma das melhores coisas que podem acontecer no mundo. Afinal de contas, somente com ele podemos andar por ai numa armadura metálica matando mutantes.
  • O nome verdadeiro do capeta é na realidade Diablo, e ele pode ser morto só jogando umas macumbas em cima dele.
  • Se você estiver sendo perseguido pela polícia, o modo mais rápido de dispersa-la é entrando numa garagem e pintando o carro. Sempre funciona!
  • É necessário tomar muito cuidado perto de grama alta, nunca se sabe quando um bicho amarelo que solta raios saíra deles.
  • Carros possuem uma função imbutida de turbo que pode ser ativada pra deixa-los AINDA mais rápidos, não importa se o carro é de 1960, TODOS eles tem.
  • Para se tocar uma música, você não deve tocar os instrumentos de forma correta, e sim acertar uns circulos coloridos que aparecem flutuando na sua frente.
  • As lojas vão aceitar QUALQUER coisa que você for vender pra eles, mesmo que sejam itens como "estrume de cavalo" ou armaduras em uma loja de FRUTAS.
  • Se você estiver no meio de um tiroteio e quiser se curar, não tem problema! É só se enfiar atras de uma parede que sua vida vai se regenerar magicamente!
  • O seu dinheiro é aceitado UNIVERSALMENTE, mesmo que você esteja numa cidade do outro lado do mundo, esta cidade usara a mesma moeda daquela vila localizada na puta que pariu do começo do jogo.
 
Um tipico inimigo de jogo sendo explodido por um protagonista de jogos

Empresas de jogosEditar

As empresas de jogos, mais conhecidas como as "criadoras", são, obviamente, as empresas que criam os jogos. no começo da história dos jogos, só haviam duas empresas principais: A nintendo e a Sega, que ficavam metendo pau uma na outra na esperança de dominar o mercado. Essa guerra acabou com o povão ficando de saco cheia com as duas tentando tomar o comando, e logo foram criadas outras empresas, como a sony, a microsoft, a atari, a Valve, e mais outras. Abaixo, falaremos especificamente sobre cada empresa atual, mas em geral, podemos resumir uma coisa sobre todas elas: Elas adoram catar o seu money suado e te deixarem viciado nos seus joguinhos.

  • Nintendo: A empresa mais conhecida de jogos, famosa por ter criado o encanador bigodudo que alopra mulheres atrás do armário. Ela é considerada a "salvadora" do mundo dos jogos, por ter, durante a grande queda dos videogames, ter lançado o nintendinho, que além de ser um puta console, ajudou a fazer com que o mercado de games voltasse a funcionar. Além da série, super mario, eles também criaram a do doneky kong, que conta a historia de um macaco viciado em bananas que praticamente se droga nelas, e que tem suas bananas diariamente roubadas por crocodilos, o que resultado em muita porrada dada (A maioria vinda do próprio donkey kong), e legend of zelda, que conta a história de link (Não link de internet, sua mula!), um muleque sem educação que salva o mundo de hyrule quebrando vasos e invadindo a casa de pessoas.
 
Demonstração de pontos fracos para jogadores noobs matarem chefões mais facilmente.
  • Sega: A principal rival da Nintendo. Após descobrir que a nintendo tava rindo a toa com a grana que lucrava com o nintendinho, o pessoal da Sega ficou butthurt e decidiu lançar seu próprio console, o master system. Por ele ter uns gráficos semi-podres e uns sons que te dão DOR DE CABEÇA (Quem teve um master system na época sabe do que estamos falando), o console não ficou tão famoso quanto o da Nintendo, mas ainda deu um money-money pra Sega, tanto que quando a nintendo lançou seu SEGUNDO console, o super nintendo (Nnome criativo pra caralho heim?), a Sega lançou também seu irmão mais velho, o Sega Genesis, e junto dele veio o ouriço azul supervitaminado, que por muitos anos ficou pau-a-pau com o mario pra ver quem era o personagem de videogame mais fodão.
  • Microsoft: O filhote do titio bill gates, a microsoft já estava no mercado lançando os pc's mais travados do planeta muito antes de entrarem pro mercado dos jogos, foi só no século 21 que eles decidiram lançar o x-box, um singelo console feito especialmente para os nerds e gordos que gostam de passar o dia inteiro jogando fps; Foi somente com o x-box 360, porém, que a microsoft REALMENTE abalou o mercado de jogos: Foi um dos consoles mais vendidos entre os br's (Atrás somente do playstation 2 e do dynavision, porque brasileiro que se prese já teve dynavision), graças aos seus joguinhos exclusivos como halo e god of war, que criancinhas de 13 anos basicamente se matavam pra poder jogar, nem que fosse pra ir na casa do amiguinho pra jogar como segundo player.
  • Valve: Considerado o "odin" das empresas de jogos, a Valve foi criada pelo Gabe Newell, o individual mais gordo que se conhece atualmente no planeta (Só ficando atrás do Homer Simpson e do Seu Barriga), a empresinha de jogos dele começou humilde: Eles iriam lançar Half-Life, que era pra ser só mais um joguete de pc que você saia por ai fuzilando aliens, só que esse pequeno jogo virou um PUTA sucesso, gerando uma sequência e uma promessa de um terceiro jogo que está por ai até hoje (Tenha em mente que o segundo jogo da série saiu em 2004). Além disso, a valve é a grande protetora do steam, um portal onde se pode comprar jogos por preços variados (Dá pra comprar desde um jogo indie de 1,99 centavos até o último lançamento da franquia Far Cry por 200 RÉIS! Por último, a Valve é criadora do Team Fortress 2, um jogo de simulador de chapéus com tema de guerra, e DOTA 2, a famosa sequência pro jogo em que várias mendigos (Leia-se: Heróis) competem para proteger o seu ancient, que é basicamente uma pedra filosofal do tamanho da das bolas do Mister Catra.
 
O controle do futuro Playstation 5.
  • EA: Enquanto a Valve é o Odin dos jogos de videogame, a EA é basicamente o loki dos jogos (Agora só falta adicionar o thor pra ter um panteão completo!): NINGUÉM gosta da EA: Os jogadores não gostam da EA porque elas forçam seus produtores a terminar seus jogos mais rapido e a lançar vários dlc's inuteis pros seus jogos, como um dlc que só adiciona uma pantufa cor de rosa pro seu personagem principal. Os programadores não gostam da EA porque ela força a mudar o script do jogo (Ou pra deixa-lo mais lixoso ou mais curto) com o objetivo de terminar a produção mais rapidamente. E por último, os críticos de jogos odeiam a EA ainda mais por pagar revistas famosas pra dar notas altas aos jogos meia-boca deles. Atualmente, dentre os maiores pecados da EA estão assassinar a Maxis (A produtora da sério The Sims), foder o final da série Dead Space, uma pequena parte em foder o final do Mass Effect 3, e por último, por cobrar uma puta nota na pré-venda do Star Wars Battlefront.

Fases típicas de jogos de videogameEditar

Ver artigo principal: Fases de típicas de jogos de videogame

Ver tambémEditar